Pular para o conteúdo

Vera Canhoni

Ensaios Poéticos: tempos primevos

Ensaios Poéticos: tempos primevos

 

No murmúrio dos tempos primevos

breves poetas desfiavam misteriosas palavras

à luz da manhã

 

E nas veredas sedentas dos rios vagarosos

águas escorriam dos lábios do acaso

 

Sem juízo ou piedade

velas acesas criavam vertigens

nas dobras da noite

aos homens descalços

 

 

Psicoterapia psicanalítica para (re) inventar o viver

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *