Pular para o conteúdo

Vera Canhoni

O Feminino em Análise: regressar ao colo do cuidado e amor

O Feminino em Análise: regressar ao colo do cuidado e amor

O Feminino em Análise

regressar ao colo do cuidado e amor

Ainda que pelas vias da experiência de análise, felizes daquelas que são capazes de regressar ao “colo de suas mães” e, embaladas de cuidados, inundam-se de amor!

 

Não era ao mar que eu queria que me levassem. Desejava apenas regressar ao colo da minha mãe e que ela me embalasse e eu voltasse a ser menina. Esse era o único mar que eu queria. Entendi então o motivo por que o padre Amoroso falava tanto do dilúvio final. Era isso que eu aspirava: uma inundação que varresse este mundo. Este mundo que obrigava uma mulher como Hanifa a ter filhos, mas que não a deixava ser mãe; que a obrigava a ter marido, mas não permitia que conhecesse o amor.

Mia Couto

Lúcidas palavras para o que há de mais essencial na transmissão dos cuidados… pois… para além das obrigações… a inundação no amor!

 

 

Couto, M. A confissão da Leoa. São Paulo, Companhia da Letras, 2012

 

Eventos

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.