Pular para o conteúdo

Vera Canhoni

Degustação Psicanalítica: inconsciente – idioma (des) conhecido

Degustação Psicanalítica:  inconsciente – idioma (des) conhecido

 inconsciente – idioma (des) conhecido 

 

Não existe terra, existem mares que estão vazios. Dentro de mim vão nascendo palavras líquidas, num idioma que desconheço e me vai inundando por inteiro.

 

Bela analogia para a experiência de análise que nos aproxima do (des) conhecido idioma do inconsciente

Nutridos de palavras liquidas – embebidas de viço e frescor – somos capazes de transformar.

 

 

Couto, M. O fio das missangas. São Paulo, Companhia da Letras, 2009.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.